Copa já tem oito classificados; veja quais seleções ainda disputam as outras 24 vagas

Escrito por: Redação

 

Fim da penúltima Data Fifa das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, e, além das oito seleções classificadas, muitas outras definições ficaram perto de acontecer.

 

Até o momento, somente Rússia (país-sede), Brasil, Irã, Japão, México, Bélgica, Coreia do Sul e Arábia Saudita garantiram-se, nesta ordem, no Mundial. Destes, apenas os sauditas não estiveram na última edição da competição.

 

Dessa forma, outras 24 vagas – ou 75% – seguem em aberto. Veja quais países estão na briga por elas e quais são as condições de cada um.

 

 

AMÉRICA DO SUL

A única fase da eliminatória conta com dez times jogando entre si. Os quatro primeiros se classificam diretamente, enquanto que o quinto disputará a repescagem contra a Nova Zelândia. Restam apenas duas rodadas.

 

O Brasil já está classificado e com o título simbólico assegurado. Uruguai (27), Colômbia (26), Peru (24), Argentina (24), Chile (23), Paraguai (21) e Equador (20) seguem todos com chances de classificação direta ou de repescagem. Somente Bolívia (13) e Venezuela (oito) estão eliminados.

 

 

CONCACAF

 

A quinta fase tem um hexagonal em que os três primeiros colocados se garantem na Copa. O quarto disputará a repescagem contra Síria ou Austrália. Restam duas rodadas.

 

O México (18) já está garantido no Mundial. A Costa Rica (15) tem, ao menos, uma vaga na repescagem assegurada, enquanto que Panamá (dez), Estados Unidos (nove) e Honduras (nove) também estão na briga pela vaga direta. Já Trinidad e Tobago (três) possui apenas uma remota possibilidade de ir à repescagem.

 

 

ÁSIA

 

Com a eliminatória já encerrada, Irã (22 pontos) e Coreia do Sul (15), no grupo A, e Japão (20) e Arábia Saudita (19), na chave B, garantiram-se no Mundial. Síria e Austrália enfrentam-se em 5 e 10 de outubro para definir o adversário do quarto colocado da Concacaf por um lugar na Copa. Assim, a Ásia pode ter no máximo mais um representante na Rússia.

 

 

ÁFRICA

 

A terceira fase da eliminatória tem cinco chaves com quatro times cada. Apenas os campeões de cada uma estarão na Copa do Mundo. Não há repescagem. No momento, restam duas rodadas e não há classificados definidos.

 

Na chave A, Tunísia (dez pontos) e República Democrática do Congo (sete) estão na briga; na B, Nigéria (dez) e Zâmbia (sete) disputam a vaga, enquanto que Camarões (três) e Argélia (um), que disputaram a última Copa, estão eliminadas; no grupo C, todos ainda seguem com chances: Costa do Marfim (sete), Marrocos (seis), Gabão (cinco) e Mali (dois);

 

Na chave D, também está tudo em aberto: Burkina Faso (seis), Cabo Verde (seis), Senegal (cinco) e África do Sul (quatro); no E, somente o Congo está eliminado. Egito (nove), Uganda (sete) e Gana (cinco) lutam pela classificação.

 

 

OCEANIA

 

A Nova Zelândia garantiu-se como classificado do continente ao superar as Ilhas Salomão (por 6 a 1 e 2 a 2). Agora, a seleção espera pela definição do quinto colocado da América do Sul para saber contra qual time irá disputar uma vaga no Mundial.

 

 

EUROPA

 

A eliminatória conta com nove chaves, e o campeão de cada uma se garante na Copa. Os oito melhores segundos colocados se enfrentam em uma repescagem local, sendo que os quatro vencedores vão ao Mundial. Restam apenas duas rodadas para o fim do qualificatório.

 

No grupo A, França (17 pontos), Suécia (16), Holanda (13) e Bulgária (12) têm chances tanto de classificação direta quanto de repescagem; no B, Suíça (24) e Portugal (21) já garantiram as duas primeiras posições, deixando a briga apenas entre ambas; no C, a mesma situação. No entanto, a Alemanha (24) está muito perto do Mundial, enquanto que a Irlanda do Norte (19) deve ir à repescagem.

 

Na chave D, a Sérvia (18) tem, no mínimo, um lugar na repescagem assegurado. País de Gales (14) e Irlanda (13) seguem na briga pela classificação direta. Já a Áustria (nove) conseguirá, no máximo, um posto na repescagem.

 

No grupo E, a disputa segue aberta para três seleções: Polônia (19), Montenegro (16) e Dinamarca (16); no F, a briga envolve quatro países: Inglaterra (20), Eslováquia (15), Eslovênia (14) e Escócia (14).

 

Na chave G, a Espanha (22) está pelo menos na respescagem, a Itália (19) segue na disputa pela vaga direta e a Albânia (13) pode, no máximo, ir à repescagem; na H, a Bélgica (22) está confirmada no Mundial, enquanto que Bósnia e Herzegovina (14), Grécia (13) e Chipre (dez) disputam o posto na repescagem.

 

Por fim, no grupo I, Croácia (16), Islândia (16), Turquia (14) e Ucrânia (14) estão na disputa pelos dois primeiros lugares.

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: ESPN

Deixe seu comentário